Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Coisas (des)Interessantes

Não penses que o mundo, a vida ou o tempo, te vão devolver alguma coisa daquilo que fazes. Nem tens de pensar isso sequer! Simplesmente faz!

Coisas (des)Interessantes

Não penses que o mundo, a vida ou o tempo, te vão devolver alguma coisa daquilo que fazes. Nem tens de pensar isso sequer! Simplesmente faz!

21
Out16

Excertos

mudadelinha

"Criar uma família com alguém é muito diferente de namorar. (E atenção que namorar é maravilhoso!) É um compromisso diário, é um promessa de dedos mindinhos enrolados um no outro que dura o resto da vida.É estar com o outro mesmo quando não apetece, mesmo quando odiamos tudo e toda a gente, mesmo quando o outro está mal disposto e "estraga" o nosso bom humor. É ter alguém a entrar pela casa de banho quando nós lá estamos porque está com pressa e tem de lavar os dentes, é olhar para as meias a meio do dia e ver que o calcanhar está de fora porque tiraste as meias 42, não as 36. É dividir o cobertor e a ultima bolacha de chocolate que nós queríamos mais que tudo. É ver o velocidade furiosa 4 quando naquele dia só te apetecia ver o diário da nossa paixão.Viver a dois é um desafio constante porque o outro mora em nossa casa mas não na nossa cabeça. É muitas vezes ter de dizer que a toalha tem de se estender depois do banho,que o jantar tem de se comer quente e que também precisamos de atenção. É aprender que ter razão não é a coisa mais importante do mundo e aprender que não se pode dormir zangado. Mesmo depois da discussão e do fim do mundo, há sempre um pé que encontra o outro no fundo da cama e que fica lá colado como quem diz "sim, isto é fazer as pazes". Viver a dois é aprender que os filmes nos andaram aldrabar. Não nos vão dar flores todos os dias, nem levar a andar de balão nem fazer poemas. Mas há outras provas de amor, como ver o harry potter todos os domingos sem refilar, arrumar a louça toda para que eu não tenha de me mexer e dizer "vai dormir, eu trato de tudo." Há qualquer coisa de muito romântico no "eu trato de tudo". Viver a dois é passar pelas dificuldades e pelas crises sabendo sempre que nada de mau pode ser maior que a vontade de ficar. E muitas vezes o amor é só ficar. Sem dizer nada. Viver a dois é saber perdoar e é também aprender quem são o adrien, o william e o slimani. Viver a dois é respirar fundo e voltar para a sala com um sorriso depois de vermos que o tampo da casa de banho está levantado, mais uma vez (respira). Viver a dois é maior aventura dos crescidos e eu ainda estou a perceber como é que me deixaram cá entrar..."

 

- Carolina Deslandes

 

Não vivo a dois, mas achei este texto delicioso.

20
Out16

Não é um recomeço... É um regresso!

mudadelinha

Não sei se posso dizer que estou de volta... Vou muito tentar e quero muito!

Afastei-me, involuntariamente, devido ao compromisso profissional que assumi durante o Verão e depois de terminar o verão a minha disposição não era muita. Sinto que ainda não descansei como devia, sinto que me faltam muitas horas de sono e que me faltam muitas horas de descanso. Não fiz praia, não passeei, não descansei durante quatro meses. Entretanto, as aulas começaram, o meu último semestre começou e, já falta pouco para acabar, logo não esperava outra coisa de mim, que não o meu melhor. Estou neste momento a fazer 11 disciplinas, tenho sempre aulas até ás 23h e, quase todos os dias tenho aulas ás 08.30h. É complicado, é muito cansativo, mas quem corre por gosto não cansa. Continuo a trabalhar aos fins-de-semana, o que ainda me rouba mais o meu tempo livre. Mas não custa, a recompensa será bem maior (espero)! A boa notícia é que tenho uma semana de interrupção durante o mês de Novembro, uma semana que não é bem de férias, porque há sempre coisas para fazer, e não são poucas, mas sempre dá para descansar e sabe bem. Ando com o L. a pesquisar umas viagens , pode ser que tiremos uns dias nessa semana, porque ele tirou férias para essa semana. Estavámos a pensar tirar uns dias em Palma de Maiorca, ou Benidorm. Estamos hesitantes devido ao tempo, afinal se formos vamos em Novembro e, não sabemos muito bem como é lá o tempo nessa altura. Se andar por aqui alguém que me queira dar uns conselhos, agradeço imensoooo. 

 

Fora isso... um grande olá e um beijinho! Continuação de boa semana e, espero muito estar de volta e, não desparecer tão cedo!

 

14516418_1216744751681057_5455483208428369153_n.jp

 

 

 

 

Sigam-me noutro sítio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D