Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coisas (des)Interessantes

Coisas (des)Interessantes

29
Mai18

13 reasons why

mudadelinha

Esta publicação tem spoilers, pelo que se não querem saber, não leiam até verem a série.

 

Já o tinha dito por aqui que achei “13 reasons why” um pequeno murro no estômago. Vi a primeira temporada passado pouco tempo de a série ter sido lançado e não fazia ideia de que ia existir uma segunda temporada. Considerei a série espetacular e fora do comum, por abordar temas difíceis, pelo desfecho da série, mas também pelo crescimento das personagens. São poucas as séries que me fazem criar um sentimento de amor-ódio pelas personagens e esta foi uma delas. Até aqui só Anatomia de Grey o tinha conseguido e pela mistura destes sentimentos não tenho, nem nunca tive, uma personagem preferida nesta série, porque cada temporada, cada episódio que via, faz-me ter um carinho diferente por cada um. Exemplo disso é a personagem principal Meredith Grey, nunca soube se gostava ou não dela. A verdade é que foi uma personagem criou respeito ao longo da série, e é nesse patamar que ela está neste momento.

Adorei a primeira temporada de 13 reasons why e por mim a série tinha ficado por ali, não havia muito mais a contar, mas decidi dar uma oportunidade à segunda temporada. Comecei há poucos dias e já a acabei. A minha mente não pensava em mais nada nos últimos dias, principalmente depois de descobrir o romance entre Zach e Hannah. Devorei a série até perceber que já só me faltava o último episódio.

A série faz-nos pensar num conjunto de problemas que afetam a nossa sociedade e enganem-se se acham que estes problemas são típicos da América e dos Estados Unidos. Estes problemas afetam qualquer comunidade estudantil, seja nos Estados Unidos, no Brasil, na Bélgica ou em Portugal. Claro que devem ser todos abordados de forma diferente e concreta, mas ao ver esta série apercebo-me que ainda há muitos assuntos tabus e que se evita determinados assuntos e temas por, simplesmente, não se querer falar deles, ou por acharmos que eles não existem ou que são uma realidade distante.

Voltando à série, gostei imenso da série, tenho noção que é uma série chocante, principalmente a segunda temporada, tem partes que simplesmente passei à frente sou sincera, por não conseguir ver. Mas apreciei a forma como trouxeram histórias novas à série e como conseguiram estabelecer um contraditório entre as personagens. Se na primeira temporada acabamos com uma ideia, com um sentimento de revolta, na segunda temporada coloca-se a dúvida se realmente tudo se passou daquela forma, ou se há determinadas situações que foram omitidas, e são muitas dessas omissões que são descobertas e contadas.

 

This quote from the much-talked-about Netflix series '13 Reasons Why' reminds us just how far we have to go as a society.

(esta imagem foi retirada daqui)

 

Foi uma das séries de 2018 tenho a certeza.

Já viram?

 

4 mudardelinha

Comentar

Sigam-me noutro sítio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D